15/10/2008

Nosso Dia - Dia das crianças - 12 de Outubro de 2008

No dia 12 de Outubro estivemos mais uma vez num evento proprocionado pelo CAB no Parque das Bicicletas.
O dia amanheceu fechado, tristonho, meio sem graça. A chuva caiu, e caiu forte. Mesmo assim tiramos as crianças que estavam adormecidas dentro de nós e fomos até lá.
A princípio, apenas alguns otimistas. A chuva veio... molhou o chão, alimentou as plantas, limpou o ar e nós... nós ficamos lá. Todos debaixo das tendas...
Mas como até o SENHOR tem um pouco de criança dentro de SI, ELE mandou a chuva embora, o céu timidamente começou a se abrir e um lindo dia se formou. As crianças/adultas e as crianças/crianças foram chegando e aos poucos o parque se alegrou. O dia foi maravilhoso.

... ...

Como podemos definir “ser criança”... Para alguns, “ser criança” começa quando se nasce, e para outros a infância começa ainda no ventre materno.

... ...

Muitas vezes fico a pensar. Por que temos que crescer?
Às vezes me acho louca, pelas minhas atitudes, por eu querer ser feliz.
Por que gosto de rir, de ficar olhando as estrelas, o sol, por ser excessivamente sensível, mas muitas vezes não demonstrar.
Olho para minhas filhas e vejo ali um pedacinho de mim.
Claro que tenho responsabilidades (as quais gostaria de não ter), mas até eu, às vezes, coloco pés no chão... ou até mesmo faço aquilo que não devia fazer.
Vivo num mundo, que não é o que gostaria, mas tenho minha missão aqui, e eu vim para aprender, ser feliz e fazer felizes os que me rodeiam... se assim permitirem...
Digam-me: que culpa tenho eu, de gostar de assistir filme com pipoca e guaraná, comer muitos doces sem fim, de rir alto... às vezes bem alto, de chorar baixinho ao ler uma poesias, de desenho bonito e às vezes abstrato, de sentar na chuva, ou olhar a chuva..., de ficar sem fazer nada (como um bom adolescente), mexer na terra, de plantar, de cheirar as flores, de beijo, muuuuito beijo, de carinho, cafuné.... e além de tudo isto, muito mais: ainda conseguir ler um bom livro, ter minhas próprias idéias, reflexões, ser séria às vezes, rir e chorar sem motivo como toda boa mulher/menina.
Mas existem pessoas que me cobram, principalmente quando junto os dois lados (Menina e mulher).
É... crescer nos tira a liberdade de sermos verdadeiros e sinseros como as crianças. Precisamos entender que o adulto tem que sempre andar junto com as crianças. Afinal, somos um só.
A criança que fui está aqui ainda, dentro de mim... sem isto a vida não tem graça....

Feliz DIA DAS CRIANÇAS, com pipoca ou não!!!


Sergio e Elisa

Visitas

Seguidores

A gente agradece...

A gente agradece...

TIPOS DE CICLISTAS

Tem ciclista que mais gosta de trilha que estrada...né Castílho
Tem ciclista que namora ...casa com a bike...
Tem ciclista que adora pedalar de dia...
Tem ciclista que não pode ver uma subida que já começa a reclamar...
Tem ciclista que mais empurra que pedala...
Tem ciclista que adora subida...
Tem ciclista que não pode ver uma descida que se joga...
Tem ciclista que cai parado... né Sergio...
Tem ciclista que mais ri do que pedala...
E outros de pedalar a noite...
Tem ciclista de meia idade...
Tem ciclista que adora pedalar pelado...
Tem ciclista jovem, gatão e criança...
Tem família de ciclistas...
Bom, nós somos um “casal de ciclistas”.
E você que tipo de ciclista é...

Euzinha